Entenda como as leis sistêmicas influenciam nosso desenvolvimento

As leis sistêmicas, também conhecidas como leis da vida ou leis dos relacionamentos, fazem parte de uma teoria desenvolvida pelo alemão Bert Hellinger. Segundo o psicoterapeuta, existem algumas normas que regem todos os grupos de pessoas.

Essas leis são essenciais para que os sistemas se tornem saudáveis e prósperos e não dependam de qualquer tipo de consciência ou permissão para atuarem, influenciando todas as relações humanas.

Neste artigo, explicaremos quais são as leis sistêmicas e como elas influenciam o nosso desenvolvimento. Continue a leitura!

Quais são as leis sistêmicas?

De acordo com Bert Hellinger as leis sistêmicas são três, a do pertencimento, a da ordem e a do equilíbrio. A seguir, explicarei em detalhes cada uma delas. Acompanhe!

Lei do Pertencimento

De acordo com as leis sistêmicas, pertencer é uma necessidade básica. Quando nascemos ou nos tornamos vinculados a um sistema precisamos ser considerados parte dele e sentir que a função que exercemos é valorizada.

Essa lei é quebrada no momento que nos sentimos excluídos ou vemos uma pessoa com quem temos uma ligação ser afastada do convívio. Essa ruptura pode ocasionar diversas reações, como déficit de atenção e síndrome do pânico.

Lei da Ordem

A lei da ordem ou da hierarquia refere-se à predileção que os integrantes que vieram primeiro em um sistema têm sobre os que chegaram depois. As pessoas mais velhas, por exemplo, devem ser respeitadas pelo seu lugar e contribuição para o grupo ao qual pertencem.

Quando essa lei é desconsiderada o sistema sofre distúrbios e se desestabiliza, afetando todos os indivíduos que de alguma forma estão ligados a ele.

Lei do Equilíbrio

Para que o sistema fique em equilíbrio é essencial que exista uma troca igualitária entre as pessoas que fazem parte do sistema. Todos os indivíduos necessitam dar e receber na mesma proporção.

Isso é essencial para o bom funcionamento do grupo, pois, no momento em que essa lei é rompida o sistema entra em desarmonia e os membros passam a ser pressionados, desencadeando diversos comportamentos prejudiciais.

Como as leis sistêmicas influenciam o nosso desenvolvimento?

As leis sistêmicas se relacionam de diversas formas com a nossa existência e são decisivas para a evolução. A seguir, explicarei como essas normas influenciam o desenvolvimento da vida pessoal e profissional. Confira!

Vida pessoal

As leis sistêmicas têm grande influência na nossa vida pessoal, principalmente nas relações familiares. Quando alguma pessoa da família está em desequilíbrio todos os membros da família são afetados, até mesmo os que estão fisicamente distantes ou pertencem a gerações distintas.

Por exemplo, se um pai que tem dois filhos fornece suporte afetivo apenas para um deles, a lei do pertencimento será quebrada para todos os membros do sistema. Dessa forma, é provável que ambos os herdeiros apresentem comportamentos disfuncionais resultantes da ruptura.

Vida profissional

Na área profissional as leis sistêmicas atuam de uma forma similar a pessoal, mas têm algumas diferenças em relação aos aspectos que criam desequilíbrios e as consequências geradas.

Se nas relações familiares estamos vinculados por toda a vida, no trabalho isso não acontece. As relações podem ser, e normalmente são, provisórias.

Com isso, temos mais controle sobre como esse sistema nos afeta, pois, podemos deixá-lo quando ele está desequilibrado e não está sendo benéfico.

Por exemplo, se um indivíduo trabalha muito, mas não é recompensado de forma justa, a lei do equilíbrio é rompida e o resultado será a insatisfação profissional e a falta de motivação. Entretanto, além de tentar restaurar o sistema, ele pode mudar de emprego ou começar o próprio negócio.

As leis sistêmicas estão presentes em todas as nossas relações e nos ambientes em que estamos inseridos, interligando todos os sistemas aos quais pertencemos. Assim, quando um entra em desequilíbrio consequentemente os outros também são afetados.

Por isso, é importante estar atento aos sinais de disparidades e tomar atitudes para restaurar a harmonia nas áreas consideradas mais importantes.

Gostou de saber como as leis sistêmicas influenciam nosso desenvolvimento? Então, assine a nossa newsletter e fique informado sobre todos os conteúdos e novidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X