Saiba como se tornar um coach profissional!

como se tornar coaching

Nos últimos anos, tenho percebido que a busca pelo alinhamento entre o propósito de vida e a vida profissional vem crescendo expressivamente. Para atender a essa demanda, existe um mercado em plena expansão, que dá suporte às pessoas que querem se tornar um coach profissional.

Se você, além de buscar a automotivação, novos projetos e desafios, quer impactar a vida das pessoas e contribuir para que elas construam carreiras saudáveis e positivas, leia esse post até o final. Aqui você vai descobrir como se tornar um coach, desde o que isso significa até as escolhas que o levarão a atuar na profissão. Confira!

O que é um coach?

Eu costumo dizer que para se tornar um coach não basta ter uma formação acadêmica ou pretender simplesmente trocar de carreira. Para se tornar um coach profissional  é necessário se interessar por pessoas, gostar de ajudar e, principalmente, estar disposto a estudar o comportamento humano.

O coach é o profissional facilitador do processo de desenvolvimento humano. Isso acontece por meio de perguntas reflexivas, estabelecimento de objetivos e exploração do potencial do coachee – como é chamado o seu cliente.

Apesar de não exigir qualquer pré-requisito para iniciar a formação em coaching, você precisa estar atento a muitos detalhes, tal como a reputação da escola que promoverá a sua formação, qualidade e experiência dos treinadores e um método de trabalho.

Profissionais de qualquer área podem ingressar na formação de coaching, afinal, ela é considerada uma formação livre pelo MEC (Ministério da Edução).

Quais são as características necessárias para se tornar um coach?

Para se tornar um coach, é preciso ter alguns traços e habilidades que serão muito requeridas na execução desse tipo de trabalho. Por mais que seja possível transformar as suas características em diferenciais, com algumas estratégias, alguns pontos-chave são inegociáveis. Conheça dois deles:

Ética

Como em todo campo do conhecimento, o coaching também tem seu próprio código de ética. Para alcançar sucesso nesse ramo é preciso estar disposto a honrar esse estatuto. Veja alguns dos mandamentos:

  • não utilizar as informações do cliente para prejudicá-lo ou conseguir benefícios próprios;
  • jamais levar o cliente a tomar atitudes que prejudiquem outras pessoas;
  • nunca interferir propositalmente na duração do processo de coaching com o intuito de atrasá-lo ou apressá-lo;
  • não julgar seu cliente/coachee;
  • jamais utilizar os seus conhecimentos para manipular situações ou pessoas, entre outros.

Inteligência emocional

Talvez a característica mais necessária, a inteligência emocional parece ser nata para algumas pessoas. Mais do que qualquer outra habilidade, o trabalho de coaching irá testar a sua capacidade de fornecer respostas emocionalmente inteligentes em diversos momentos. Veja algumas atitudes que demonstram um bom nível de inteligência emocional:

  • capacidade de resolver conflitos com soluções satisfatórias para todas as partes;
  • abertura ao diálogo;
  • compreensão das razões e motivos das outras pessoas;
  • capacidade de ler as reações, expressões faciais e variações no tom de voz;
  • não permitir que crenças e percepções pessoais interfiram no seu julgamento;
  • sempre refletir empaticamente sobre o contexto alheio antes de reagir ou tomar uma decisão;
  • percepção aguçada;
  • interesse em ouvir e compreender outras pessoas;
  • consciência sobre as próprias forças e fraquezas;
  • consciência sobre os seus próprios processos mentais, percebendo o que está sentindo e o porquê;
  • capacidade de perceber inconsistências comportamentais em outras pessoas, como atitudes contraditórias e falas imprecisas, entre outras.

Quais os benefícios da carreira?

Assim como as pessoas que buscam pelas sessões de coaching, o próprio processo de busca para se tornar um coach traz inúmeros benefícios para a sua evolução pessoal: seja na construção dos seus valores pessoais, seja no estabelecimento de metas, realização profissional, clareza de objetivos, determinação, enriquecimento do propósito e intenção, foco e muito mais.

Por ter a responsabilidade de facilitar o processo de autodescoberta do coachee, como coach você precisa ser disciplinado e dominar os métodos que utiliza. Isso significa trabalhar o seu próprio processo de descoberta para ampliar a sua capacidade de compreensão. Para isso, nada melhor do que praticar com a sua própria vida e carreira, o resultado são atitudes que trazem vantagens significativas, como:

  • interesse pelo comportamento humano;
  • busca contínua pelo autoconhecimento;
  • equilíbrio e inteligência emocional;
  • ​consistência e coerência;
  • alinhamento de objetivos pessoais e profissionais;
  • geração de impacto construtivo na vida das pessoas;
  • responsabilidade ativa;
  • comprometimento com valores;
  • relacionamentos mais saudáveis;
  • facilidade na resolução de conflitos e mediação de interesses;
  • possibilidade de compartilhar os seus aprendizados pessoais;
  • usufruir de uma estrada de mão dupla: todo o seu conhecimento pessoal, em algum momento, acaba por se utilizado para o auxílio da evolução de outras pessoas, entre outras.

Para que tudo isso seja possível, o coach precisa ter credibilidade. Por isso, é essencial que, além de acreditar nos métodos que utiliza, você aperfeiçoe, constantemente, suas técnicas e amplie seus conhecimentos.

Como se tornar um coach profissional?

Como já abordei, para o coach profissional, credibilidade é tudo. Por isso, separei algumas informações para garantir que você possa buscar uma oportunidade que proporcione:

  • ​alto nível técnico;
  • vivências e práticas;
  • consolidação do conhecimento;
  • ferramentas e técnicas eficazes;
  • networking efetivo;
  • reconhecimento das suas habilidades.

Quer conferir? Vamos lá!

Informe-se sobre a profissão

Ler este texto é um primeiro passo importante. Mesmo assim, é indicado que você pesquise outros conteúdos, busque depoimentos, procure informações que enriqueçam o conhecimento que você já tem sobre como se tornar um coach profissional e outros detalhes da área.

Busque ainda saber como funciona a rotina da profissão, converse com quem atua no segmento, pesquise sobre o mercado de trabalho e sobre os concorrentes na sua região. É fundamental entender o quanto você se identifica com a área, e se esse interesse resistirá aos desafios de mudar de carreira.

Entenda sua vocação

Parta de onde você está e tente imaginar como se tornar um coach profissional pode impulsionar sua carreira. O coaching apresenta duas abordagens distintas: profissional e pessoal. E dentro de cada uma delas há outros vários nichos de atuação. Apesar de existirem muitos aspectos comuns entre elas, existem conhecimentos bem específicos sobre a área escolhida.

Portanto, não abra mão por completo do que está fazendo, mas tente encontrar uma maneira de aproveitar os conhecimentos que já tem dentro do coaching e aperfeiçoe esse potencial. Para isso, quebre os modelos conhecidos, pense em algo que ninguém está fazendo e que pode alavancar a carreira de outras pessoas com os mesmos interesses que você.

Invista em networking

A rede de contatos é algo muito importante para quem quer se tornar um coach profissional, tanto em relação às parcerias que podem ser estabelecidas quanto às indicações e encaminhamentos. Assim, manter o contato com profissionais da área pode facilitar a troca de ideias e a construção de soluções inovadoras.

Mas não para por aí. Encontros de coaches, eventos e cursos complementares de formação são essenciais para manter o profissional dessa área no topo, não apenas pela formação e titulação em si. Os ambientes compartilhados geram possibilidades de troca, enriquecimento de conhecimento e geração de insights.

Por isso, se tornar um bom coach profissional exige interação constante, para que você cresça e ajude as outras pessoas a crescerem também!

Como escolher uma formação de coach qualificada?

Uma formação de um coach adequada depende de uma escola séria, que ofereça conteúdos de qualidade, técnicas eficazes, vivências enriquecedora e ferramentas que realmente contribuam no dia a dia das sessões. Essa combinação garantirá a qualidade da preparação do coach e, consequentemente, o sucesso com o cliente.

Ainda é importante ressaltar a relevância de procurar instituições que busquem trazer diferenciais na formação, além de terem uma boa reputação. Por isso, antes de optar por uma instituição de ensino, conheça os métodos oferecido por cada uma.

O programa oferecido deve ser completo: a qualificação é generalista e abrange todos os nichos, fornecendo conhecimentos que possibilitem a atuação em qualquer área do coaching, desde que atenda aos objetivos de cada cliente.

Não existe uma sequência pré-fixada para ser aplicada em todos os casos e para todos os coachees. Por isso, é importante que a escola reforce a capacidade de identificação das necessidades do cliente conforme os seus avanços, faça uso do raciocínio lógico e reforce a habilidade de lançar mão das diversas ferramentas para resolver problemas.

Para escolher a melhor escola, busque algumas informações. Para tanto,

  • converse com alunos e ex-alunos;
  • ​consulte suas certificações e reconhecimento;
  • analise o conteúdo programático;
  • confira as titulações;
  • cheque as atividades complementares, bônus e materiais;
  • conheças as instalações e recursos, no caso dos cursos presenciais;
  • analise o currículo e as qualificações dos professores.

Não deixe de consultar a taxa de empregabilidade dos ex-alunos, mas não confie somente nas informações e estatísticas fornecidas pela própria instituição: procure por fontes imparciais.

Descobrir como se tornar coaching e construir uma carreira de sucesso na área de coaching requer um planejamento adequado, são diversas etapas de aquisição de conhecimento e experiência.

Chegou a hora de dar o primeiro passo para o início da sua carreira de sucesso como coaching: faça a inscrição e receba mais informações sobre o curso de Master Coach de Carreira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *